Casa de Brincar

casa de boneca

Nada de “casas de boneca”! No projeto do Núcleo P3 Marcenaria e Arquitetura, formado pelos arquitetos Leo Polatti Neto e por Tiago Puppi Munhoz, a “Casa de Brincar” (como os próprios sócios definem o trabalho) contou com o mesmo processo de atendimento e de construção de uma residência comum.

 

casa de boneca
“A gente ajudou a proprietária a escolher o local mais apropriado e a dimensão da casa foi feita sob medida para o espaço escolhido. Altura, quantidade de aberturas na casa e os materiais foram escolhidos de forma personalizada”, explica Leo Polatti, mostrando as portas com recortes em acrílico e os desenhos da varanda. Outro detalhe da Casa de Brincar são as telhas modelo shingle – a mesma utilizada na casa original. “É o elemento que dá unidade e a coerência entre elas”, finaliza Leo.

casa de boneca
Sobre a durabilidade do material, o Tiago explica: “O que a gente procura é fazer uma casa com grande durabilidade, com a primeira manutenção programada para ser realizada somente depois de cinco anos. Todas as madeiras são tratadas e não tem pregos, garantindo também a segurança para a criança”.


Para meninas e meninos, com varanda em ‘L’, parede torta ou em formato de castelinho, a verdade é que a “Casa de Brincar” pode ser ainda mais interessante e lúdica.

casa de boneca

casa de boneca

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *